Pesquisa Artesp revela que uso do cinto de segurança salta de 41% para 62% entre os passageiros do banco traseiro na região Central

Levantamento aponta aumento da adesão após ações de segurança viária desenvolvidas pela agência e concessionárias; Na região Central, 38% dos ocupantes do banco traseiro ainda viajam sem o cinto. O índice de uso do cinto de segurança entre motoristas e passageiros aumentou nas principais rodovias da região Central após cinco anos de intensas campanhas e ações educativas da ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) e das concessionárias. No final de 2014, levantamento da Agência apurou que mais da metade dos ocupantes do banco traseiro não utilizavam cinto…

Leia Mais