Borja marca no segundo tempo e Palmeiras empata com Bahia na Fonte Nova

O Palmeiras visitou o Bahia, na Arena Fonte Nova, neste domingo (17), e empatou em 1 a 1 com a equipe tricolor, em partida válida pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os mandantes começaram melhor e abriram o placar no primeiro tempo com gol de falta de Arthur Caíke. O Verdão, porém, foi superior no segundo tempo e deixou tudo igual com Borja.

Com o resultado, o Palmeiras chegou aos 68 pontos na tabela do torneio nacional e segue na vice-liderança, três pontos à frente do terceiro colocado Santos. O líder da competição é o Flamengo, com 81.

O empate mantém o retrospecto positivo alviverde na Bahia. Considerando apenas jogos disputados no estado nordestino, a sequência invicta é impressionante. A última derrota palestrina no local aconteceu em 1988 — há 21 anos, portanto — , pelo Brasileirão daquele ano. De lá para cá, foram oito vitórias do Maior Campeão do Brasil e seis empates.

A equipe de Mano Menezes volta a campo no próximo domingo (24), para encarar o Grêmio, às 18h, no Allianz Parque, em confronto válido pela 34ª rodada do Brasileiro. Os ingressos estão à venda para todos os torcedores, sendo que 17 mil foram vendidos antecipadamente.

O jogo

O primeiro tempo do duelo foi equilibrado. O Verdão tocava a bola no seu campo de ataque e rondava a área de Douglas Friedrich, mas não conseguia finalizar a gol com frequência. O Bahia, por sua vez, apostava em jogadas de velocidade e chegou a ameaçar a meta de Weverton algumas vezes, com o goleiro palmeirense levando a melhor em todas elas.

A principal chance de abrir o placar do Tricolor aconteceu aos 14 minutos, quando Élber acertou um passe diagonal preciso e deixou Gilberto frente a Weverton. O camisa 21 alviverde, porém, saiu do gol e esticou a mão para fazer ótima defesa. Em grande fase, o arqueiro voltou a ser decisivo aos 36, desta vez em chute perigoso de Élber.

O jogador Borja, da SE Palmeiras, comemora seu gol contra a equipe do EC Bahia, durante partida válida pela trigésima terceira rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, na Arena Fonte Nova.

Aos 45, o árbitro Bruno Arleu de Araújo marcou falta de Luan em Gilberto na entrada da área. Arthur Caíke cobrou, a bola passou por uma brecha na barreira e entrou no canto esquerdo do gol, sem chances para Weverton. (Bahia 1 x 0 Palmeiras)

O Palmeiras voltou para a segunda etapa com Borja e Lucas Lima nas vagas de Deyverson e Gustavo Scarpa. Logo aos dois minutos de bola rolando, o camisa 9 já teve uma oportunidade de igualar o marcador: o atacante recebeu dentro da área, girou e bateu cruzado. O chute passou perto da trave de Douglas Friedrich e saiu pela linha de fundo.

No início segundo tempo, o time de Mano Menezes ficou mais tempo com a bola nos pés e conseguiu criar jogadas mais objetivas do que fez nos primeiros 45 minutos. Ainda antes do cronômetro marcar os 15 minutos, Borja teve mais uma chance empatar, desta vez de cabeça, e Bruno Henrique invadiu a área para chutar com perigo, mas as duas finalizações passaram por cima do gol.

A superioridade palestrina na etapa complementar não demorou a se refletir no placar. Aos 25, Borja recebeu passe de Zé Rafael dentro da área. O centroavante girou e chutou forte, entre Douglas Friedrich e a trave, e deixou tudo igual na Arena Fonte Nova. (Bahia 1 x 1 Palmeiras)

Pouco depois, Mano Menezes fez sua terceira substituição e colocou Willian no lugar de Zé Rafael. O Palmeiras não diminuiu o ritmo e aumentou a presença ofensiva, buscando a virada. Lucas Lima e Dudu (duas vezes) quase marcaram o segundo do Alviverde — Douglas Friedrich, no entanto, conseguiu impedir o gol palestrino nos três lances.

Antes do apito final, Willian e Lucas Lima passaram muito perto de fazer o gol da virada, mas acabaram chutando para fora. O duelo terminou empatado em 1 a 1, apesar da pressão palestrina durante todo o segundo tempo.

Escalação: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Bruno Henrique e Gustavo Scarpa (Lucas Lima); Dudu, Deyverson (Borja) e Zé Rafael (Willian).

Gols

Bahia: Arthur Caíke (46’/1ºT).

Palmeiras: Borja (25’/2ºT).

Por: Mariana Giovinazzo – Departamento de Comunicação Ag. Palmeiras