Lamentável: Falece idosa que teve corpo queimado em Santa Ernestina após explosão de gás

Acidente ocorreu após mulher, de 64 anos, tocar no interruptor para verificar vazamento; fogo destruiu 3 cômodos da casa.

A dona de casa Maria de Fátima Pinheiro da Silva, 64 anos, que sofreu queimaduras em 90% do corpo, após a explosão causada pelo gás que vazou do botijão, na casa onde morava, em Santa Ernestina, veio a óbito na madrugada de quinta-feira (10), na Santa Casa de Taquaritinga, onde estava internada na UTI.

De acordo com as informações, o vazamento de gás aconteceu em uma válvula de um botijão, que estava do lado externo da casa, localizada no Jardim Vanessa. Houve um incêndio no local e o fogo destruiu três cômodos da residência.

Levada à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Taquaritinga, devido à gravidade do caso, precisou ser transferida até a Santa Casa, onde seria submetida à traqueostomia (abertura na traquéia) no pescoço, a fim de facilitar a entrada de ar nos pulmões. Porém, não resistiu aos ferimentos e morreu.

O corpo de Maria de Fátima foi levado por familiares até o IML de Jaboticabal e depois seria velado no velório de Santa Ernestina, sendo que o féretro deverá acontecer nesta sexta-feira.