Técnico taquaritinguense de Vôlei chega a Cabo Verde para ajudar a impulsionar a modalidade

Já se encontra em Cabo Verde, no continente africano, o técnico taquaritinguense que irá ajudar o país a dar um impulso ao voleibol, trata-se de Augusto Sabbatini, que com uma vasta experiência de mais de 30 anos na modalidade, foi enviado através da Federação Internacional de Voleibol, para dar início a um projeto que visa o desenvolvimento global da modalidade.

Augusto está entusiasmado com o novo trabalho, assim como o presidente da Federação Cabo-verdiana de Voleibol, António Rodrigues que acredita que com a chegada do profissional sua experiência será aproveitada o máximo possível.

Além do trabalho junto dos formadores da modalidade, Augusto Sabbatini vai trabalhar ainda com as seleções masculina e feminina e com os atletas do vôlei de praia.

O jornal O Defensor conversou com o treinador e ele afirmou estar empenhado em ajudar os atletas e formadores esportivos cabo-verdianos a desenvolver melhor a parte técnica.

Segundo Sabbatini, a prática vai ser sua bandeira ao longo do tempo em que vai estar no país. Ele promete muito trabalho.

Augusto Sabbatini é formador credenciado pela Federação Internacional de Voleibol. Sua estadia no país africano será de cerca de três meses, período em que ele irá trabalhar em diferentes ilhas, garantiu a federação daquele país.

Na foto: o técnico taquaritinguense Augusto Sabbatini, o Presidente da Federação Cabo Verdiana de Voleibol o Sr. Antonio Rodrigues, o Ministro do Desporto, Sr. Fernando Elisio Freire e Director da Direção Geral de Desporto, Sr. Anildo Santos.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião de O Defensor. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Defensor poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."