Concurso para nível médio terá salário de R$ 10 mil

Certame já foi autorizado e a expectativa é que seja publicado ainda no primeiro semestre deste ano.

O concurso do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) prevê preencher 10 vagas no cargo de Auxiliar Técnico de Fiscalização em São Paulo. Alguns detalhes ainda não foram definidos, a exemplo da comissão e banca organizadora.

Para concorrer ao cargo, o candidato deverá ter o nível médio. O salário inicial é composto por salário básico de R$ 4.907,45 e gratificação de incentivo a especialização e produtividade de R$ 5.124,95, totalizando a quantia de R$ 10.032,40 mensais. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais.

Em relação à função, ao Auxiliar compete realizar inspeções, auditorias, acompanhamento de despesas e execuções contratuais no âmbito de todos os órgãos municipais e entidades estatais, buscando o atendimento dos princípios da legalidade, legitimidade, eficiência, economicidade, moralidade, impessoalidade e publicidade; elaborar relatórios de vistorias e diligências; fornecer informações com vistas a elaborar o Plano Anual de Fiscalização, bem como os Programas de Auditorias e Inspeções; exercer atividades de sua área de atuação nas unidades administrativas do Tribunal; exercer quaisquer outras atividades por determinação superior, desde que inerentes à sua área de atuação.

A carreira de Auxiliar de Fiscalização conta com mais sete níveis, o que garante progressões salariais durante o exercício do cargo.

Vale dizer que o órgão não realiza concursos há 12 anos.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião de O Defensor. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Defensor poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."