Taquaritinga está mais perto de ser um MIT

Na manhã desta terça-feira (03) o prefeito municipal Vanderlei Mársico foi à SP fazer a entrega em mãos dos documentos complementares solicitados pela Secretaria de Estado de Turismo e Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP) para análise da proposta de nomeação de Taquaritinga como Município de Interesse Turístico (MIT).

O processo estava nas mãos da prefeitura desde a última visita do vice-prefeito, que recebeu da equipe do Secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Fabricio Cobra Arbex, um pedido de complementação nos documentos enviados no ano passado. Tal envio era de importância vital para nova análise do Grupo de Estudos responsável pela análise técnica do pedido.

O papel do COMTUR – Diante da necessidade de urgência na preparação dos documentos, o Conselho Municipal de Turismo de Taquaritinga, presidido por Leonardo Oliverio (foto), empresário, fora acionado pela municipalidade para auxiliar no processo. O Diagnóstico Turístico produzido em 2016 foi atualizado conforme as diretrizes enviadas e as atas das reuniões do conselho foram juntadas. Oliverio salienta que “Taquaritinga precisa demonstrar de forma enfática que é um município com potencial turístico relevante para o estado da São Paulo, e isso se faz com documentos sobre os locais turísticos e registros dos eventos já realizados”.

O que é o MIT? – O Estado de São Paulo possui 70 Estâncias turísticas. Uma nova lei, de 2015, criou 140 vagas para Municípios de Interesse Turístico – ou MIT –, que também poderão receber recursos do Fundo de Melhoria dos Municípios Turísticos administrado pelo DADE – Departamento de Apoio as Estâncias.

Todos os Municípios do Estado de São Paulo (exceto os que já possuem o título de Estância) já podem pleitear o Título de Município de Interesse Turístico por meio de um Deputado Estadual.

Taquaritinga foi indicada por três parlamentares para ingressar no rol dessas cidades, e o projeto do Dep. Estadual Welson Gasparini (PSDB) foi o selecionado para análise da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo. Se aprovada, Taquaritinga poderá receber verbas anuais para desenvolvimento do turismo em suas mais variadas vertentes.

Leonardo explica ainda que “Com as dificuldades naturais da geração de empregos pelos gestores municipais, o desenvolvimento do turismo pode fazer o papel das industrias e empresas, gerando empregos e trazendo divisas para Taquaritinga.”

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião de O Defensor. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Defensor poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."